Defesa Civil alerta para possibilidade de ventos fortes em todas as regiões de SC

 

Nesta terça-feira (13/09) há condição de rajadas fortes de vento de 50 a 80 km/h em todas as regiões e momentaneamente acima de 100 km/h nas áreas altas do Estado. O vento mais forte deve se estender a madrugada e manhã de quarta-feira (14/09) e estará associado ao deslocamento rápido de uma frente fria, associada a um intenso ciclone extratropical na altura do litoral da Argentina e Uruguai.

 

Vento forte e mar agitado com risco de ressaca no litoral de SC!

 

No decorrer desta terça-feira (13/09) o vento intensifica no litoral de SC, com rajadas de 50 a 80 km/h. Esse vento provoca agitação no mar com picos de onda de 2,0 m a 2,5 m. Na quarta e quinta-feira (14 e 15/09), a altura de onda aumenta com picos de 3,0 m próximo à costa, mais altos em áreas afastadas, com risco de ressaca, especialmente de Florianópolis a Passo de Torres.

 

LEIA TAMBÉM  Defesa Civil alerta para temporal em todo o estado

A influência da Lua Cheia, associada à condição acima, favorece a ocorrência de alagamentos nas áreas mais baixas da costa catarinense, tais como: Rod. Diomício Freitas, Centro de Eventos – CentroSul, praias do Sul da Ilha de Santa Catarina, Avenida Atlântica de Balneário Camboriú, Barra Velha, Araranguá, Laguna, Itajaí, Joinville, Tijucas dentre outros.  

 

A condição adversa de mar estará associada a um intenso ciclone extratropical próximo ao litoral da Argentina e Uruguai, e avanço de um sistema de alta pressão (massa de ar frio e seco) pelo Sul do Brasil.


13/09/2016 13h00min: Mapa de Vento Máximo nas ultimas 3 horas em SC. Fonte: Agroconnect – EPAGRI/CIRAM


 

Recomendações da Defesa Civil SC: 

Ventos Fortes: Proteja-se em local abrigado, longe de placas, de árvores, de postes de energia e de objetos que podem ser arremessados.

Mar agitado: perigo a navegação e a atividade de pesca. 

Ressaca: Proteger embarcações e apetrechos de pesca e maricultura. Atenção para edificações, infraestruturas e vias em áreas de vulneráveis à erosão e inundações costeiras.

 

LEIA TAMBÉM  Vende-se casa no Centro de Garuva

Qualquer problema deve ser comunicado à coordenadoria municipal de Defesa Civil, através do telefone de emergência 199 ou para o Corpo de Bombeiros, no número 193.

 

FONTE: Defesa Civil SC/EPAGRI CIRAM/CPTEC/INPE

{FCOMMENT}

SHARE

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here