Condutor que difamou policiais em Rede Social terá que se explicar

Fato aconteceu em Garuva

Um motorista infrator que usou as redes sociais pra difamar a Polícia Militar terá que se explicar, isso porque de acordo com o Sgt. Polsin, comandante do Grupamento da PM em Garuva, as falas do motorista foram além da liberdade de expressão.

De acordo com o Sargento, o referido condutor usou a rede social facebook para reclamar da apreensão de seu veículo, porém, o mesmo omitiu os verdadeiros motivos pelos quais teve o veículo tirado das ruas, além de difamar publicamente um policial que sequer participou da ação policial e acusando o mesmo de ser o responsável pelo suposto “abuso de Autoridade”, relacionado ao guinchamento de seu veículo.

Imagem da ocorrência/Arquivo Pessoal – Facebook

Entenda o fato:

Na data de 07 de Janeiro de 2017 na Avenida Celso Ramos, número 1177, no centro de Garuva, a equipe Policial Militar de serviço, durante realização de barreira policial, realizou a abordagem ao veículo VW SAVEIRO 1.8 de cor branca, a qual apresentava irregularidades que motivaram seu recolhimento para o pátio de veículo municipal conveniado:

As irregularidades constatadas pela Polícia eram as seguintes:

– Conduzir veículo com característica alterada

– Conduzir veículo sem equipamento obrigatório. (sem macaco e chave de rodas)

– Conduzir veículo com defeito no sistema de iluminação.

Mediante a estas irregularidades, foram tomadas as medidas cabíveis conforme prevê o código de trânsito Brasileiro, medida administrativa de remoção do veículo ao pátio.

LEIA TAMBÉM  Acidente de trânsito resulta na morte de jovem de 24 anos em Garuva...

Na manhã do dia 07 Janeiro de 2017, o motorista infrator postou em sua rede social, algumas fotos da referida abordagem ao seu veículo, contendo fotos e texto, transcrevo o texto a seguir:

“É muito azar, primeiro rolê depois de sair da oficina já da nisso, Policia não tem o que fazer, mesmo com carro legalizado eles inventam “merda” pra Ferrar com a vida da gente, vão prender ladrão e deixem a gente ser feliz, isso é um abuso de autoridade…”

Conforme relato da Polícia Militar, este fato até então não foi vislumbrado qualquer tipificação penal, todavia nos comentários como seguem na referida postagem, começaram a ser ofensivos, inclusive citando nomes de alguns policiais.

Em um dos comentários, um internauta pergunta se foi em Garuva que ocorreu o fato e faz a seguinte afirmação:

“-Só pode te sido o polzin que te pego”

Diante da qual o condutor infrator responde:

“Foi mesmo”.

O Sgt. Polsin esclarece que não participou da ocorrência, porém, irá representar criminalmente pelo enquadramento de difamação, artigo 139 do código penal, pois teve seu nome maculado, colocando o policial em descrédito ante a sociedade.

O policial explica ainda que inúmeras outras pessoas passaram a realizar comentários ofensivos em desfavor à equipe policial que realizou a remoção do veículo, conforme fotografias da página social do autor dos fatos, o qual em dado momento chama os Policiais de “BANDO DE FDP”, além de outras frases ofensivas e imputa a prática de crime de prevaricação, onde cita resumidamente que estaria ocorrendo um assalto e a equipe Policial não teria “dado a mínima”, fato este que de acordo com o policial não procede, pois após ser realizado levantamento, apurou-se que não houve qualquer ocorrência desta natureza naquela data.

LEIA TAMBÉM  Procura-se o dono...

Diante dos fatos, após ter ciência da referida situação, e após ouvir os Policiais envolvidos, foi lavrado um Boletim de Ocorrência pelo crime de desacato, cometido pelo “Motorista Infrator”, por ter em rede social, chamado os Policiais Militares de “ BANDO DE FDP”, além de realizar inúmeros comentários ofensivos aos policiais, e ainda pela prática de crime de difamação, artigo 139 do código penal, por ter citado a pessoa Sargento Polsin, comandante do grupamento da Policia Militar de Garuva, como sendo o responsável pelo suposto “abuso de Autoridade” segundo ele, relacionado ao guinchamento de seu veículo.

O Sgt. Polsin salienta ainda que a Polícia Militar é uma instituição de mais de 180 anos de existência, amparada na hierarquia e disciplina e que realiza trabalho diuturno na cidade de Garuva, e que nos últimos 6 meses realizou um trabalho de excelência na comunidade, baixando todos os índices criminais, não podendo ser maculada de forma covarde e injusta, sendo representada pelo policial militar que diariamente patrulha todo o município.

SHARE

3 COMMENTS

  1. As pessoas de estão confundindo o direito de se expressar com o hábito de abrir a boca pra falar coisas sem pensar. Bom agora vai ter que responder e se explicar sobre o ocorrido, vai gastar tempo e possivelmente dinheiro.

  2. Sim…. Está certíssima a competente PM de Garuva… Rede social não é lugar de expressões/postagens indevidas, ataques, ofensas e insanidades do gênero… Por detrás duma tela de computador (imaginando estar no anonimato), tudo parece ficar mais livre e mais fácil, porém, nem tudo pode, nem tudo é assim… Ficou “putinho”, argumente dentro da legalidade (com respeito e embasamento, é claro)… Parabéns PM de Garuva!!! Excelente postura!!!

  3. Parabéns pelo excelente serviço dos senhores policiais militares de garuva, apesar dos desafios fica evidente a melhora na cidade diante de situações onde os cidadãos querem de toda forma impor suas vontades p sociedade. Parabens senhores policiais e obrigado pelos serviços. Como sugestão gostaria de colocar a necessidade de fiscalizar nossos comércios pois o cidadão garuvense merece mais respeito por parte de comercios de alimentos, todo dia notamos infrações neste segmento como : pães vendidos por unidade, não peso,; frutarias sem nenhum tipo de compravante do que compramos discriminados; mercados sem preços nos produtos; produtos vencidos á venda e etc… o desafio é grande mas sei que vão ajudar.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here