ARTIGO – Nas mãos do artista…

 artigo1603

 

 

Não foi, mas bem que poderia ter acontecido em Garuva, onde as pedras brotam do chão… A diretora da APAE se ressentia por uma grande pedra no pátio da escola. Seu maior sonho era remover aquela rocha e dar mais espaço aos seus alunos. Colocou o assunto em pauta na reunião com os pais. Soube ali que um pai era cortador de pedras. O pai assumiu o desafio, garantindo-lhe que ficaria satisfeita.

 

Ele cercou a rocha com um tapume para evitar acidentes e pôs mãos à obra. Durante algum tempo, ele era visto somente ao entrar e sair. Também, se escutava o som constante do martelo e talhadeira. Com muita dedicação, aquela estranha rocha se transformou, na manhã de Páscoa, numa bela tartaruga onde as crianças podiam subir e brincar no recreio. Entusiasmada, a diretora exclamou: Você é um gênio! Como conseguiu transformar aquela pedra em algo tão bonito? O cortador de pedras lhe respondeu: Também tenho minha veia artística, ainda que poucos o saibam. Com a rocha arredondada foi muito fácil.

 

LEIA TAMBÉM  Polícia Militar de Garuva atende ocorrência de furto de carga

 

Eu apenas fui retirando aquilo que, ao meu ver, era desnecessário, dando forma à bela criatura que tinha na minha mente. Tal como artista, Deus também trabalha dia a dia em nossa vida, tirando o que é ruim/feio, dando espaço ao ser que Ele deseja que sejamos. Sua empreitada não tem fim. Começou no Éden, passa pelo Getsêmani, termina na eternidade. Levante suas mãos e agradeça ao Senhor que opera na sua vida. Leia 1 Pedro 2.5.

Por: Euclécio Schieck

 

{fcomment}

SHARE

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here